Pular para o conteúdo
Especiais
array(1) { [0]=> object(WP_Term)#20808 (10) { ["term_id"]=> int(4350) ["name"]=> string(13) "Marielle Vive" ["slug"]=> string(13) "marielle-vive" ["term_group"]=> int(0) ["term_taxonomy_id"]=> int(4350) ["taxonomy"]=> string(9) "especiais" ["description"]=> string(0) "" ["parent"]=> int(0) ["count"]=> int(207) ["filter"]=> string(3) "raw" } }

Participe dos atos deste dia 28 em memória de Edson Luís e Marielle Franco

Da Redação

Nesta quarta-feira (28), jovens e trabalhadores em várias cidades do País estarão nas ruas para lembrar dois acontecimentos que deixam marcas na história de luta do povo brasileiro. Exemplos que unem um passado e um presente de resistência cravados em dois nomes: Edson Luís e Marielle Franco. Entidades dos movimentos estudantis e sociais em geral, além de partidos políticos e personalidades que lutaram contra a Ditadura e estão na linha de frente pela denúncia à morte de Marielle, estão convocando manifestações. A executiva nacional do PSOL lançou uma nota onde orienta a construção de um dia nacional de luta com realização de atos unificados em todos os estados.

Entenda
Neste 28 de março, completam-se 50 anos do assassinato do então estudante secundarista Edson Luís por policiais militares, quando participava de uma manifestação contra o aumento do preço do restaurante popular Calabouço. Uma marcha organizada para velar seu corpo reuniu cem mil na Cinelândia, no Rio, um marco na luta contra a Ditadura Militar. Agora, em 2018, em uma conjuntura de ataques aos trabalhadores e retirada de direitos, outros cem mil marcharam pelas ruas da capital carioca e pelo menos 50 mil em várias cidades do Brasil, com solidariedade extrapolando fronteiras e chegando a diversos países. Mais um assassinato político, de uma lutadora, vereadora socialista do PSOL, negra, LGBT, cria da favela da Maré, que lutava contra os desmandos da PM e era porta-voz da resistência à intervenção militar. Esta semana, ainda durante o luto da morte da vereadora, cinco jovens, Sávio, Patrick, Matheus, Mateus e Marcus, integrantes do movimento Hip Hop, alguns deles da União da Juventude Socialista (UJS), foram assassinados em Maricá, também no estado do Rio de Janeiro. A suspeita é que a execução tenha sido realizada por policiais militares.

Atos
Um dos principais atos ocorrerá na cidade do Rio de Janeiro, local onde ocorreu esses dois marcos históricos. O protesto está sendo convocado para acontecer às 15h, com saída da Candelária até a Cinelândia, onde o corpo de Edson Luís foi velado pelos estudantes e onde Marielle Franco exercia o cargo de vereadora, na Câmara Municipal do Rio de Janeiro. De acordo com os organizadores, uma das pautas será a luta contra a intervenção militar no Rio de Janeiro e o genocídio de jovens negros. “Vamos pra rua contra a intervenção, pela vida da juventude negra e por todas as vidas”, afirmam no evento de convocação.

Convocam coletivos e grupos do movimento estudantil, de favela e de memória e verdade, como
Ocupa Dops; Filhos e Netos por Memória; Verdade e Justiça, Coletivo RJ Memória, Verdade e Justiça; Grêmio CSTJ; RUA – Juventude Anticapitalista; Pré-Vestibular Popular + Nós; UEDC – União dos Estudantes de Duque de Caxias; Voz da Baixada; DCE UFRJ Mário Prata; AERJ – Associação dos Estudantes Secundaristas do Estado do Rio de Janeiro; FENET – Federação Nacional dos Estudantes em Ensino Técnico; UJR Brasil; Juntos RJ; Rede Emancipa RJ; União da Juventude Comunista – UJC Brasil;POVO SEM MEDO; AMES Rio – Associação Municipal dos Estudantes Secundaristas do Rio; DCE UERJ – Diretório Central dos Estudantes UERJ; UBES – União Brasileira dos Estudantes Secundaristas; União Estadual dos Estudantes do Rio de Janeiro (UEE-RJ; UEES RJ – União Estadual dos Estudantes Secundaristas do Rio de Janeiro; UJS Rio de Janeiro; Frente Brasil Popular; Levante Popular da Juventude – RJ; Coletivo Papo Reto; Laboratório de Ativismo e Comunicação da ECO UFRJ.

CEARÁ
Debate sobre a execução de Marielle, às 14h, na Assembleia Legislativa do Ceará, em Fortaleza, CE, concovado pelo mandato do deputado estadual Nestor Bezerra – Veja Evento
Marielle Franco: poder vivo entre nós, às 9h, na Universidade Estadual do Ceará (UECE) – Veja Evento

MINAS GERAIS
Semana Edson Luis, às 14h, CAAP UFMG – Veja Evento
Ato em memória de Marielle Franco, Anderson Gomes e Edson Luís, às 17h, em Caaratinga, Minas Gerais – Veja Evento
Ato ecumênico Marielle, Anderson e Edson Luís presentes, às 18h, na Praça Zumbi dos Palmares – CONIC – Veja Evento
Ato 28M! Por Marielle não sairemos das ruas!, às 15h30, na Prefeitura de Uberlândia, MG – Veja Evento

PARÁ
Marielle presente em nós e nas ruas, pois não temos nada a perder, às 16h20, no Mercado de São Braz, em Belém, PA – Veja Evento

PARANÁ
Marielle, presente, no Centro Acadêmica Sete de Março, na Universidade Estadual de Londrina, PR – Veja Evento
Marielle, os direitos e os humanos – Debate – CAPUP, às 11h20, na Universidade Positivo, em Curitiba, PR – Veja Evento

RIO DE JANEIRO
Ato Por Marielle Franco e Edson Luís. Contra a Intervenção, pela Educação, às 15h, da Candelária à Cinelândia – Veja Evento
Para que não se esqueçam de Edson Luís, 17h, CE Dr. Thiers Cardoso, Campos dos Goytacazes, RJ – Veja Evento

SÃO PAULO
Marielle Franco, sua vida, sua luta, seu legado, às 19h, no Sindicato dos Metalúrgicos em Vicente de Carvalho (Guarujá), Rua Capitão Alberto Mendes Júnior, 515, Guarujá – SP – Veja Evento

ESTADOS UNIDOS
Protest the Racist Assassination of Marielle Franco, às 17h, na Wilshire Blvd, Beverly Hills, CA 90211-3211, United States – Veja Evento

ITÁLIA
Marielle Presente! Consenza, às 17h30, em Corso Mazzini Consenza, Corso Giuseppe Mazzini, 87100, Cosenza, Itália – Veja Evento

Foto: Memória pela Democracia