Pular para o conteúdo
Especiais
array(1) { [0]=> object(WP_Term)#9341 (10) { ["term_id"]=> int(4308) ["name"]=> string(46) "31 M contra a Reforma da Previdência de Temer" ["slug"]=> string(45) "31-m-contra-a-reforma-da-previdencia-de-temer" ["term_group"]=> int(0) ["term_taxonomy_id"]=> int(4308) ["taxonomy"]=> string(9) "especiais" ["description"]=> string(0) "" ["parent"]=> int(0) ["count"]=> int(32) ["filter"]=> string(3) "raw" } }

Manhã de 31 de Março em Curitiba

Por Evandro Castagna, de Curitiba

O dia de lutas iniciou com uma Audiência Pública na Assembléia Legislativa do Paraná, convocada por iniciativa de várias centrais sindicais, dentre elas CUT, Força Sindical, CTB e CSP-Conlutas. Deputados e Senadores contrários à Reforma da Previdência e Trabalhista tiveram participação de destaque.

Estiveram presentes também representantes de frentes e movimentos sociais, como o MST.

Todos os senadores eleitos pelo Paraná declararam que votarão contra a reforma da previdência, inclusive Álvaro Dias, ex-PSDB e que agora migrou para o PV.

As duas galerias da ALEP ficaram lotadas de trabalhadores e estudantes que deram  uma importante demonstração de unidade no estado para barrar estas contra-reformas.

Hoje a noite acontecerá um ato unificado com todas as frentes de luta, na Praça Carlos Gomes, às 18h, com presença da juventude secundarista que ocupou as escolas no início do ano.

Já está marcada para o início da semana que vem uma reunião entre as centrais sindicais com objetivo de preparar durante o mês de março a Greve Geral no dia 28.