Saiba como será a greve geral em São José dos Campos e região

Da Redação, de São José dos Campos, SP

Nesta quarta-feira, dia 28 de junho, no Sindicato dos Químicos, em São José dos Campos, São Paulo, aconteceu a última plenária preparatória para a greve geral deste dia 30. Os principais sindicatos da região estiveram presentes. Entre eles, de condutores, metalúrgicos, químicos, comerciários, petroleiros, bancários, entre outras, além de organizações políticas como o #MAIS, LS, PSOL, PSTU e PT.

Foi reafirmada a unidade do Fórum de lutas do Vale do Paraíba para a realização da greve geral. Os companheiros que atuam nas fábricas indicaram as que serão prioridades. Os condutores, por exemplo, prometem jogar todos os esforços para garantir a paralisação das garagens, com a colaboração de ativistas de diversas categorias.

Destaque foi a fala da companheira da direção dos sindicato dos bancários, filiado à UGT. Segundo ela, o sindicato de SJC foi à plenária da UGT e defendeu a realização da greve geral. Apesar de ter sua posição derrotada no fórum, afirmou que na região estará junto com os sindicatos do Fórum e, com isso, os bancários prometem manter a greve.

Ao final do encontro, foram divididas as tarefas e definido, ainda, que haverá um ato unificado, às 10h, no Centro de São José dos Campos. A concentração será na Praça Afonso Pena. Mais uma vez, o Vale do Paraíba deverá ser parte ativa da greve geral neste dia 30 de junho.

Plenária unitária organizou atividades para o dia 30 de junho

Plenária unitária organizou atividades para o dia 30 de junho

Comentários no Facebook

Post A Comment