Queda de braço: governo quer aprovar Reforma Trabalhista e trabalhadores preparam a maior greve geral em 30 anos

Da Redação

Professores, metroviários, rodoviários, metalúrgicos, petroleiros, eletricitários, bancários, trabalhadores dos Correios e diversas outras categorias. A greve geral é uma realidade e o Brasil inteiro vai sentir seus impactos. Será impossível para a mídia esconder a paralisação, que poderá ser a maior em trinta anos. Também estão sendo organizados protestos em diversas capitais.

A greve é assunto em todos os lugares, não apenas nos locais de trabalho. Uma importante parcela da população já sabe da paralisação e apoia que ela aconteça. É neste apoio que está um dos elementos decisivos da força da resistência.

Do outro lado, a ofensiva continua
Como expressão da disposição em enfrentar os trabalhadores, o governo e os deputados querem aprovar, nesta quarta-feira (26), a Reforma Trabalhista. É típico do momento em que vivemos: ataque e resistência.

A classe dominante apostou no golpe parlamentar e no Governo Temer como o caminho mais rápido para aprovação das reformas. Por isso, tenta seguir adiante, mesmo com a enorme resistência popular.

É possível derrotar a Reforma da Previdência
A grande maioria da população é contra o aumento da idade e do tempo de contribuição para aposentadoria. Temer sentiu a dificuldade, o caminho não foi tão fácil desta vez, há questionamento.

O cenário é bem diferente daquele identificado na aprovação da PEC 55, que foi sumária. Não há dúvidas de que esta mudança foi provocada pelo dia 15 de março, pela articulação nacional do enfrentamento e pelo apoio popular que a resistência conquistou neste período.

Em tempos de normalidade, eles parecem sempre muito mais fortes. Mas, quando a classe trabalhadora interfere nos rumos da história, a sua força tem enorme poder. No dia 28 é hora de mostrar a nossa força e nosso poder. É greve geral.

Confira mais informações sobre a Greve Geral do dia 28 de abril:

28 de abril: São Paulo terá Greve Geral e protestos contra as Reformas

Greve Geral: paralisação de transportes promete parar São Paulo dia 28 de abril

Para saber mais, acesse o evento do dia 28 em São Paulo

28 de abril vamos parar o Brasil’, definem centrais sindicais

28 de abril: quatro propostas para a construção da Greve Geral

28 de Abril: Reunião do DCE da USP aprova Comitê pela Greve Geral

28 de abril: um dia para escrevermos em nossa história

28 de Abril: Petroleiros entrarão na greve geral com muita força

28 de Abril: Reunião de preparação da Greve Geral em Campinas (SP) aprova plano de ações

Greve Geral: saiba o que vai parar no dia 28 de abril, no Rio de Janeiro

28 de abril: Porto Alegre vai parar no dia da greve geral

Greve Geral: Saiba o que vai parar no dia 28 de Abril, em Belo Horizonte e região

Greve Geral: saiba o que vai parar no dia 28 de abril, em Recife e região

28 de abril: Alagoas vai parar

Índios acampam em Brasília e vão participar do 28 de abril

Assembleias e plenárias confirmam: Baixada Santista vai parar no dia 28 de abril

 

 

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Comentários no Facebook

Post A Comment